terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Notícias de Educação - 21/fev/2017


Na Sala de Aula

Déficit de atenção: pesquisa aponta que TDAH é um transtorno cerebral
Um dos distúrbios mais debatidos pelos profissionais da educação, o Transtorno por Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é, na verdade, mais complexo do que se imagina. Uma pesquisa recentemente realizada pelo Centro Médico da Universidade Radboud, na Holanda, concluiu que o TDAH se trata, na verdade, de um transtorno cerebral. (Universia)

É hora de voltar ao básico com a instrução de escrita? (Texto em inglês)
  • A maioria dos educadores reconhece que a alfabetização é importante, mas muitas vezes o foco está na leitura porque durante muito tempo é o que os testes de realização mediram. Nos últimos anos tem havido mais foco em escrever em salas de aula e em testes, mas muitos estudantes ainda têm dificuldade em expressar suas idéias em papel.
  • (Mind/Shift (em inglês))


Gestão de Escola

Escolas no Rio já têm modelo próximo ao da reforma do ensino médio
A maioria das escolas brasileiras tem muito o que trabalhar para conseguir se adequar às medidas instituídas pela reforma do ensino médio, sancionada na semana passada pelo presidente Michel Temer. Mas algumas redes no Rio já estão no rumo proposto e bem próximas do que prega a nova lei. Nessas instituições a quantidade de horas de atividade escolar é maior, há matérias diversificadas e os alunos têm mais autonomia sobre sua vida escolar. (O Globo)

  • 'A reforma do ensino médio vai demandar investimento, adaptação. Não vai ser simples'
  • (O Globo)

  • Ensino médio: reforma ou ficção?
  • (G1)
Gestão educacional deve contar com a participação de pais e professores
  • A gestão democrática é o tema da 19ª meta do Plano Nacional de Educação (PNE). Ela garante que membros da comunidade escolar como familiares e professores participem efetivamente da gestão escolar, tornando mais diverso o processo de tomada de decisões que podem impactar a aprendizagem das crianças e jovens. Os efeitos desse tipo de gestão, segundo algumas pesquisas têm mostrado, pode ser bastante positivo.
  • (O Estado de São Paulo)

Para pensar - artigos e opiniões

Como melhorar a qualidade da educação em meio à descontinuidade das políticas?
  • Infelizmente, a descontinuidade das políticas públicas educacionais é uma constante no Brasil. Desconstruir esta cultura é um enorme desafio, ainda mais quando a economia não está bem. São inúmeros os exemplos de descontinuidade de programas e ações que afetam diretamente a rotina escolar e, por consequência, a aprendizagem dos alunos. Mudar essa tendência é imprescindível para que o Brasil possa dar o salto de qualidade necessário para assegurar a todos os estudantes o direito à educação de qualidade.
  • (Uol)
O ensino das humanidades é essencial
  • "Precisamos ensinar virtudes e empatia aos mais novos. Precisamos ensinar virtudes e empatia aos mais novos". Essa frase deveria funcionar como um mantra para todos os adultos que, direta ou indiretamente, convivem com crianças e jovens.
  • (Folha de São Paulo)

Ensino Superior

Inadimplência de alunos das universidades privadas sobe 8% em 2016
  • Estudo da Serasa Experian aponta que a falta de pagamento das mensalidades no ensino superior privado foi 8,1% maior em 2016, na comparação com 2015. O cenário mostra que, apesar do aumento, houve uma desaceleração no crescimento da inadimplência, já que entre 2015 e 2014 o aumento tinha sido de 16,5%. De acordo com o órgão, no acumulado entre 2014 e 2016, o aumento foi de 38,4%.
  • (G1)
Após ano perdido, Uerj em crise enfrenta incerteza: "piora a cada dia"
Na Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), 2016 ainda não terminou. E não há qualquer previsão para o fim do ano passado. A crise que levou o governo estadual a declarar calamidade financeira, em junho, embaralhou o calendário da instituição, que passou por uma greve de cinco meses e meio, entre março e agosto. O primeiro semestre letivo só acabou dias antes do Natal. O início do segundo, por sua vez, foi adiado pela quinta vez no dia 13 de fevereiro, dessa vez com data indeterminada. (Uol)

Em crise, USP quer impor teto de gasto com salário de funcionário
  • A USP quer impor um teto de gastos com salários de funcionários e congelar reajustes e contratações quando o comprometimento com a folha de pagamento superar 80% das verbas recebidas do Estado. O gasto com pessoal é maior do que o orçamento da instituição desde 2014.
  • (Folha de São Paulo)

CNE revisa diretrizes do curso e recebe sugestões da OAB
  • O Conselho Nacional de Educação (CNE) trabalha na revisão das diretrizes nacionais curriculares do curso de direito e recebeu na última terça-feira, dia 14, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). As mudanças no texto da Resolução CNE/CES nº 9/2004, que dispõe sobre as diretrizes, vêm sendo feitas desde outubro de 2015.
  • (MEC)
Quando é hora de procurar um MBA?
  • As universidades e as escolas são unânimes: para fazer um MBA é preciso ter experiência profissional. Isso porque as aulas são enriquecidas pela troca de conhecimento adquirido pelos alunos enquanto atuam no mercado de trabalho.
  • (O Estado de São Paulo)

Outras do dia

Organizador do Enem, Inep cria página no Facebook e perfil no Instagram
O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) lançou sua página oficial no Facebook (@Inep.oficial) e seu perfil no Instagram (@inepcomunicacao). A autarquia é vinculada ao MEC (Ministério da Educação) e é responsável pela organização e aplicação da prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em todo o País. O instituto já contava com uma conta no Twitter (@Inep_Imprensa). (iG)

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Notícias de Educação - 20/fev/2017


Na Sala de Aula

Série "Ciência Explica" leva conceitos científicos às crianças
O Laboratório Aberto de Interatividade para a Disseminação do Conhecimento Científico e Tecnológico (LAbI) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) lançou a série de videocasts “Ciência Explica”, que tem o objetivo de abordar conceitos científicos junto às crianças. (Fapesp)

Educadores usam histórias e yoga para melhorar concentração das crianças
O que as histórias têm a ver com o corpo? Para o professor João Soares e a pedagoga Rosa Muniz, a resposta é tudo. Juntos, eles criaram o projeto “Yoga com Histórias“, que tem o objetivo de proporcionar um desenvolvimento infantil mais saudável. (Porvir)

Bibliotecas usam tablets para aproximar crianças pequenas da leitura
As bibliotecas São Paulo e Villa-Lobos, no parque homônimo, incluíram no começo deste mês o uso de tablets em atividades de iniciação à leitura, para crianças de seis meses a quatro anos. Nelas, os educadores apresentam as histórias de livros com apoio de fantoches, de canções e da interação com tablets, que podem ser usados para emitir sons de animais, por exemplo, ou apresentar a história em versão e-book. (Folha de São Paulo)


Gestão de Escola




MEC cria comitê de governança voltado à melhoria da gestão
  • O Ministério da Educação criou o Comitê de Governança, Integridade, Gestão de Riscos e Controles, que tem como objetivo adotar medidas para sistematizar práticas relacionadas à gestão da pasta. O objetivo é padronizar o fluxo de trabalho de modo a evitar desperdícios, garantir a transparência das ações e avaliar a implantação das políticas públicas. A intenção é melhorar a qualidade do serviço prestado pelo MEC à população.
  • (MEC)
Governo federal aumenta repasses do salário-educação em 7%
  • O Ministério da Educação anunciou hoje o aumento de 7% do repasse dos recursos do salário-educação para municípios, estados e Distrito Federal em relação a 2016. No ano passado, o repasse foi R$ 11,71 bilhões e deve chegar a R$ 12,53 bilhões este ano, segundo informações do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
  • (IstoÉ)
  • Repasses do salário-educação chegam a R$ 12,53 bilhões
  • (Portal Brasil)
Ensino integral perde mais de 2 milhões de alunos. Conheça os motivos
  • O número de matrículas para o período integral no ensino fundamental (do 1.º ao 9.º ano) caiu 46% no ano passado. De acordo com os dados do Censo Escolar, divulgados nesta quinta-feira (16), em 2015 eram 4,6 milhões de alunos matriculados na modalidade. Em 2016, o número ficou em 2,4 milhões. A queda é puxada, principalmente, pela rede pública de ensino, mas também houve recuo de 18,9% na rede particular. Crise econômica e descontinuidade de programas do governo federal são os principais motivos.
  • (Gazeta do Povo)

Leis, políticas e politicagens

Um guia para entender o ensino médio
  • O presidente Michel Temer sancionou a Medida Provisória (MP) nº 746 de reforma do ensino médio. Flexibilização de currículo e aumento da carga horária são a base da reforma. Acompanhe as principais mudanças previstas pela MP, o que falta definir, os prazos estimados para as mudanças, os números e o resultados atuais do ensino médio no Brasil.
  • (Época)
  • “É irresponsável jogar para o aluno sem preparação”, diz professor sobre novo Ensino Médio
  • (Universia)
  • Reforma do Ensino Médio não provocará mudanças nas duas próximas edições di Enem
  • (Brasil Escola)
  • MEC paga R$ 295 mil para vídeos de youtubers sobre a reforma do ensino médio
  • (G1)

Para pensar - artigos e opiniões

O desafio da Educação
  • É consensual entre os meios político e acadêmico o diagnóstico segundo o qual o grande salto civilizatório a ser dado pelo País passa, necessariamente, por uma profunda reforma da educação.
  • (O Estado de São Paulo)

Pesquisas e Estatísticas

Entre jovens de 20 países, os brasileiros são os mais desmotivados
Uma pesquisa sobre a Geração Z, conhecida como a população nascida em meados dos anos 1990, mostra que a maior parte dos jovens é pessimista quanto ao futuro. Os brasileiros foram os que mais apresentaram sentimentos de desmotivação. O estudo Geração Z: pesquisa da cidadania global entrevistou 20.088 jovens de 20 países, com idades entre 15 e 21 anos, e mapeou as prioridades profissionais, os valores pessoais e de cidadania desse grupo. (Época)


Ensino Superior


Saiba quais são os 7 tipos de instituição de ensino superior no Brasil
  • Estudar em uma universidade ou em uma faculdade integrada? Pública ou privada? Ser ou não o primeiro aluno em um curso novo de graduação? Ao escolher a profissão, o estudante tem que levar tudo isso em consideração. O que não é nada fácil porque se depara com uma nomenclatura diferente, a qual ainda não está acostumado, que designa as carreiras e as IES (Instituições de Ensino Superior). Segundo a legislação em vigor, há sete categorias de IES no Brasil.
  • (Universia)

Profissonais da Educação

Professores são demitidos por telegrama após 5 meses sem receber
  • Professores do Centro Universitário Fieo (Unifieo) foram demitidos por telegrama no início do mês, durante uma greve motivada pela falta de pagamentos dos últimos cinco meses. Segundo os docentes, 127 dos quase 250 professores ativos foram dispensados pelo Unifieo, da Fundação Instituto de Ensino para Osasco. De acordo com o Sindicato dos Professores de Osasco e Região (Sinprosasco) e especialistas ouvidos pelo site de VEJA, a demissão fere a Lei de Greve.
  • (Veja)

Outras do dia

Quais são as melhores cidades no mundo para se estudar?
  • Qual é a melhor cidade do mundo para ser estudante? De acordo com o ranking 2017 das melhores cidades universitárias, realizado pela consultoria britância Quacquarelli Symonds (QS), trata-se de Montreal. O ranking é baseado em um conjunto de parâmetros, como a qualidade das universidades, custo e qualidade de vida, caráter internacional, acesso ao mercado de trabalho e experiência estudantil.
  • (G1)
O golpe do título
Concedido a personalidades que se destacaram em determinadas áreas do conhecimento, o diploma de doutor honoris causa não tem relação com a vida acadêmica de quem o recebe. Não tem valor profissional nem vale como certificado de produtividade científica. Ainda assim, é um dos mais importantes títulos que uma pessoa pode receber. Algumas entidades, porém, têm vendido a honraria a diretores e pesquisadores brasileiros, que pagam até R$ 3.600 para se tornarem “doutores”. “É contraditório, pois é um título dado para honrar o professor. E a honra não se compra”, afirma Renato Janine Ribeiro, ex-ministro da Educação. (IstoÉ)

Interior de SP chama professor voluntário para dar aula
  • Rio das Pedras, de 29,5 mil habitantes, iniciou o ano letivo sem o quadro completo de professores na rede municipal. O contrato com os docentes venceu na gestão anterior, no fim do ano passado, e não foi renovado. "O prazo para fazer o processo seletivo, como manda a lei, ficou apertado e as crianças corriam o risco de ficar 15 dias ou mais sem aula", disse. Em vídeo, o prefeito pediu a educadores e estagiários com "a profissão no coração" que procurassem a prefeitura para "ajudar voluntariamente e não deixar nossas crianças sem aula".
  • (Uol)

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Notícias de Educação - 17/fev/2017


Na Sala de Aula

Estudo aponta que déficit de atenção é transtorno cerebral
As pessoas com Transtorno por Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) têm o cérebro levemente menor, segundo um estudo divulgado nesta quinta-feira, que reitera que se trata de uma alteração física, e não apenas de má conduta. Este estudo, o maior até agora dedicado ao cérebro das pessoas com esta síndrome, encontrou “diferenças estruturais” e evidências de atraso no desenvolvimento, segundo os pesquisadores. (Exame)

Aulas preparam crianças e adolescentes para lidar com as emoções
Dois amigos começaram a mergulhar no universo das habilidades não-cognitivas e, após muitas pesquisas, decidiram dar início a um programa de aprendizagem socioemocional nas escolas. Lançado em outubro de 2016, o Programa Semente começou a ser utilizado neste ano em cerca de 30 escolas brasileiras. Sua metodologia foi desenvolvida com base em referências internacionais do Casel (Collaborative for Academic, Social, and Emotional Learning), que há mais de vinte anos estuda o desenvolvimento dessas habilidades na educação básica. (Porvir)

Por que é preciso ensinar bondade aos jovens?
Nesses dias que parecem muito menos bondosos e mais abrasivos, nos quais bons exemplos para as crianças podem ser um pouco difíceis de encontrar, a literatura infanto-juvenil oferece um caminho positivo para o pensamento e para lembrar como é importante se ensinar a bondade aos filhos. Esse ensinamento, por sua vez, não deve parar no jardim de infância, como muitas vezes acontece, mas precisa ser trabalhado também com os filhos mais velhos, ao longo de todo o ensino básico. Especialista no tema defende que os pais devem inspirar os filhos a estenderem a mão às crianças que apresentam dificuldades. (Gazeta do Povo)

Entenda a importância da participação dos pais na vida escolar das crianças
  • A escola é um dos primeiros ambientes em que as crianças encontram desafios e estabelecem relações sociais e, por isso, a participação dos pais é fundamental nesse momento. Acontece, porém, que as mães acabam assumindo mais esse papel e os homens deixam de perceber a importância de estar próximo das atividades acadêmicas dos filhos.
  • (R7)




Gestão de Escola

Filantrópicas criticam proposta de retirada de incentivo fiscal
  • Representantes de entidades filantrópicas que prestam serviços em educação, saúde e assistência social reunirão suas principais lideranças em março em "caravana" que irá ao Congresso para defender a manutenção do incentivo fiscal que o setor recebe do governo. Estudo divulgado em 2016 pelo Fonif e realizado pela consultoria Dom Strategy Partners estima que, nas áreas de saúde, educação e assistência social, cada R$ 1 concedido em isenção fiscal ao setor filantrópico gera um retorno de R$ 5,92 em benefícios à sociedade.
  • (Valor)
Inadimplência nas mensalidades dispara nas escolas particulares
  • A crise que tirou o emprego de milhões de brasileiros nos últimos três anos impediu muitos pais de manter as mensalidades escolares em dia. Agora, são as escolas que estão se mexendo para não perder mais alunos.
  • (JN)

Inclusão

Por que cada vez mais alunos da rede pública entram na Unicamp e na Unesp?
  • Para pró-reitores de graduação, responsáveis pela organização dos vestibulares das duas instituições e especialistas na área de educação ouvidos pela reportagem, as políticas de inclusão executadas pela Unicamp e pela Unesp são a resposta para o questionamento. Embora distintas entre si quanto à metodologia aplicada, elas têm cumprido o papel de abrir as portas dessas instituições para quem vem da rede pública.
  • (Uol)

Leis, políticas e politicagens

Temer sanciona a lei que estabelece a reforma do ensino médio
  • Por ter sido enviada ao Congresso por meio de uma medida provisória, a reforma tem força de lei desde a publicação no Diário Oficial, em setembro do ano passado. No entanto, ainda não vai ser colocada em prática. Isso porque a aplicação do novo modelo ainda depende da definição Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que está sendo elaborada e deve ser homologada em 2017.
  • (G1)
  • Reforma do ensino médio não provocará mudança 'repentina' no Enem, diz ministro
  • (G1)
  • Ministro: reforma do Ensino Médio é a mudança mais relevante no setor em 20 anos
  • (R7)
  • Novo ensino médio deve ser implementado em 2019, diz MEC
  • (Exame)
  • Reforma do Ensino Médio é fruto de 'ousadia responsável' do governo, diz Temer
  • (R7)
  • Polêmica sobre reforma do ensino médio é saudável, diz Temer
  • (iG)
  • No exterior, aluno escolhe matérias do ensino médio; veja como funciona
  • (G1)
Relator do Escola sem Partido diz que proposta não tem motivação religiosa
  • O objetivo, segundo ele, é restabelecer direitos aos estudantes. "Desde a primeira audiência pública que nós tivemos, sempre se levanta a questão religiosa, só que não é disso que esta comissão trata. Esta comissão analisa seis projetos de lei que visam proteger os direitos dos educandos", afirmou.
  • (Câmara)
  • Escola sem Partido pode ter freio do Ministério da Educação
  • (HuffPost Brasil)

Pesquisas e Estatísticas

Censo revela que tendências da educação continuam inalteradas
  • O Censo Escolar 2016, divulgado nesta quinta-feira, 16, aponta desafios para a universalização do acesso a todos os níveis de ensino no Brasil. O aumento do investimento nos últimos anos não provocou mudanças significativas nos dados coletados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia do Ministério da Educação responsável também pela sistematização e consolidação das estatísticas nacionais de educação. As tendências dos anos anteriores permanecem inalteradas e ainda distantes das metas do Plano Nacional de Educação (PNE).
  • (MEC)
  • Censo mostra que Brasil está longe da meta para o ensino básico
  • (JN)
  • Número de crianças em educação integral cai 46%
  • (Época)
  • 40 anos, com curso superior e turmas presenciais: censo mostra o perfil dos professores
  • (G1)
  • Governo paga youtubers para fazer elogios às mudanças do ensino médio
  • (Folha de São Paulo)
Brasil, o país da repetência
  • O censo escolar levanta ano a ano, escola a escola, dados que ajudam a dimensionar o quanto o Brasil avançou – ou não – na quantidade e na qualidade do ensino. Na edição que o Inep, órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC), divulga nesta quinta-feira, há um dado que, mesmo tendo jeitão de reprise, deve vir aos holofotes como um aviso de que há algo de muito errado por aqui: a repetência no país continua entre as mais altas do mundo. Trata-se de um indicador inequívoco do baixo nível das escolas brasileiras. O novo censo escolar mostra que um de cada quatro alunos chega ao fim do ensino fundamental com pelo menos uma reprovação no currículo.
  • (Veja)
78% dos estudantes do país têm entre 12 e 24 anos, aponta pesquisa
  • Pesquisa realizada pela Kantar IBOPE Media aponta que 78% dos estudantes brasileiros têm entre 12 e 24 anos. Ainda de acordo com o levantamento, 32% dos entrevistados afirmaram recorrer a conteúdos educacionais nos meios de comunicação, como jornais, TV, revistas ou internet. A pesquisa também revela que 76% dos entrevistados concordam com a afirmação de que “A educação dos meus filhos é prioridade”.
  • (Época)

Ensino Superior

MEC publica mudanças nas regras do Fies
  • Portaria regula as deduções pagas pelas empresas, define novos parâmetros para o valor dos encargos e regras para fiador.
  • (Exame)
  • MEC altera regras do Fies e pode definir desconto na mensalidade por semestre
  • (iG)
Ministério da Educação faz consulta pública sobre o Enem
  • Em relação ao Enem, as mudanças no ensino médio só vão produzir reflexos a partir de 2019. O Ministério da Educação também está fazendo uma consulta pública pela internet sobre outras propostas de modificação no exame. É o assunto do momento para quem está se preparando para o Enem. A enquete quer saber se o exame deve ser mantido em dois dias com 90 questões por dia e a redação ou se a prova deve ser realizada em um único dia, com cem perguntas, mais, a redação.
  • (JN)
  • Prova do Enem em um só dia pode gerar economia de R$ 646 mil com sabatistas
  • (G1)
8 cursos online para aprender aquilo que a faculdade não ensinou
  • A faculdade deixa de ensinar muitas competências exigidas pelo mercado de trabalho. Como funcionam os mecanismos de uma negociação? Como analisar um problema e encontrar soluções criativas para ele? Qual é o segredo para um trabalho em grupo realmente eficiente? Como aprender melhor e mais rápido?
  • (Exame)

Outras do dia

Bolsa e Senac abrem inscrições para curso gratuito sobre finanças
O Senac São Paulo e o Instituto Educacional BM&F Bovespa vão oferecer, em março e abril, cursos gratuitos sobre finanças pessoais e investimentos no estado de São Paulo. Eles serão realizados em diferentes datas e cidades, mas todos seguem o formato do curso “Finanças Pessoais – Módulo Master”, que aborda temas como planejamento financeiro, hábitos de poupança, tipos de investimentos e consumo consciente. (Exame)

Auditoria aponta merenda superfaturada e prejuízo de R$ 4,3 mi
  • Os auditores apontaram dez práticas irregulares recorrentes em 1797 escolas fiscalizadas em 371 municípios – em um universo de R$ 161 milhões investidos na merenda foi identificado prejuízo potencial de R$ 4,3 milhões. Licitações irregulares, não cumprimento de contratos, superfaturamento e armazenagem inadequada estão entre os problemas encontrados.
  • (Exame)

Entidade de educação privada pede que Cade rejeite fusão de Kroton e Estácio
  • A Associação Nacional dos Centros Universitários (Anaceu) protocolou junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) uma petição na qual pede que o Tribunal do órgão rejeite a fusão das companhias de ensino Kroton e Estácio. No ofício, a entidade considera que a união das gigantes de educação é inviável e resultaria em violação da concorrência.
  • (Jornal do Comércio)

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Notícias de Educação - 16/fev/2017


Gestão de Escola

Aluno na universidade pública custa 90% mais do que no Fies
  • Um levantamento feito pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior com a consultoria Educa Insights traça um paralelo dos gastos por aluno na educação pública superior com os investidos per capita no Fies. Resultado do comparativo, a partir dos dados de 2015: alunos das universidades públicas custam por ano R$ 20 mil, enquanto cada estudante do Fies representa um dispêndio de R$ 10,6 mil.
  • (Veja)
Projeto de escola pública de Alagoas aprova 31 alunos em universidades
31 estudantes de uma única escola da rede pública de Alagoas conseguiram aprovação em universidades públicas por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O bom desempenho foi graças a um projeto voluntário da Escola Estadual de Educação Básica Pedro Joaquim de Jesus, localizada no município de Teotônio Vilela, a 122 km de Maceió. (G1)

Briga, tiros e medo: 50% dos brasileiros dizem estudar em áreas violentas
  • Os dados da Pense (Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar) compilados e publicados no 10º Anuário de Segurança Pública, de novembro de 2016, mostram que 50,8% dos alunos do nono ano do ensino fundamental estão em escolas localizadas em áreas de risco de violência. A pesquisa, realizada por amostragem, levou em consideração 2.630.835 entrevistas com estudantes de todo o país matriculados no nono ano do ensino fundamental das redes pública e privada.
  • (Uol)

  • Escola não é "ilha de paz", diz ex-diretor sobre como enfrentar a violência
  • (Uol)
Bahema compra 80% do capital da Escola da Vila por R$ 34,4 mi
  • A Bahema assinou nesta terça-feira, 14, contrato de compra de 80% do capital da Escola da Vila, em São Paulo, por R$ 34,483 milhões. A empresa informou ainda que, para esse fim, uma nova holding subsidiária integral da companhia, a Bahema Educação SP, já foi incorporada e capitalizada.
  • (Exame)

Leis, políticas e politicagens

MEC estuda rever prazo de carência do Fies
  • O setor privado de ensino superior apresentou ontem ao Ministério da Educação (MEC) várias propostas para a nova versão do Fies, programa de financiamento estudantil, que deve ser lançada pelo governo em março. Segundo o MEC, as medidas estão alinhadas com os estudos do governo. "Estão sendo estudadas mudanças em prazos de pagamento, amortização e carência do estudante, fundo garantidor e várias outras que vão interferir muito no resultado final", disse Paulo Barone, secretário de educação superior do MEC.
  • (Valor)

Para pensar - artigos e opiniões

A violência de não se investir mais e melhor em educação
  • Um estudo do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) apresentado neste mês mostrou que o custo do crime e da violência no Brasil chega a 3,78% do PIB (Produto Interno Bruto), ou seja, US$ 91 bilhões. Em toda a América Latina e no Caribe, os gastos chegam a US$ 171 bilhões. (...) Segundo o Ministério da Justiça, o custo mensal por preso no Brasil é de R$ 2.400, o que totaliza, por ano, cerca de R$ 29 mil por encarcerado. Um aluno do ensino médio custa, ao ano, R$ 6.021,38, segundo dados do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira). Estamos fazendo as escolhas erradas!
  • (Uol)

Educação de Jovens e Adultos

Unesco: 758 milhões de adultos não liam ou escreviam uma frase simples em 2015
  • Apesar do avanço nas políticas de aprendizagem e de educação de adultos nos últimos anos, 758 milhões de adultos, incluindo 115 milhões de pessoas com idade entre 15 e 24 anos, não tinham capacidade de ler ou escrever uma simples frase em 2015. É o que mostra o 3º Relatório Global sobre Aprendizagem e Educação de Adultos (Grale III)
  • (EBC)
  • Maioria dos países descumpriu meta de reduzir analfabetismo, diz Unesco
  • (G1)

Eventos

Porvir mostra como montar um laboratório maker na sua escola
Você acha que montar um laboratório maker é coisa de outro mundo? Para mostrar que é possível ter um espaço de aprendizagem mão na massa com os recursos que você tem, o Porvir vai fazer uma transmissão ao vivo pelo Facebook na próxima sexta-feira, dia 17, às 16h. (Porvir)


Outras do dia


Polícia Federal investiga "fraudes milionárias" em bolsas da UFPR
  • A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (15) operação para apurar desvio de dinheiro destinado a bolsas de estudos na UFPR (Universidade Federal do Paraná). Segundo a PF, há suspeita de irregularidades em "pagamentos sistemáticos, fraudulentos e milionários de bolsas a inúmeras pessoas sem vínculos com a instituição no período entre 2013 e 2016".
  • (Uol)
  • PF vê "fraude grosseira" em desvio na UFPR; caso é inédito, diz TCU
  • (Uol)
Equipe brasileira é a 1ª do país aprovada em torneio mundial de física
  • Motivo de pânico para muitos, a física é o que tem movido os universitários André Juan, Henrique dos Santos, Ricardo Gitti, Pedro Rossini, Isabela Bijotti e Matheus Pessôa. Desde que souberam que haviam sido selecionados para participar do IPT (International Physicists' Tournment), competição mundial de física que acontece em abril na Suécia, eles transformaram suas rotinas para estudar e fazer experimentos relacionados ao torneio.
  • (Uol)

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Notícias de Educação - 15/fev/2017


Na Sala de Aula

Ensino Religioso deve fazer parte do currículo escolar?
É possível conciliar a laicidade do Estado e o Ensino Religioso nas escolas? Para os defensores da disciplina, a resposta é positiva e costuma estar baseada no respeito à diversidade cultural religiosa do Brasil e na proibição de qualquer forma de proselitismo dentro das salas de aula asseguradas pela legislação federal. Na prática, no entanto, parece difícil que as escolas consigam garantir que essa ampla diversidade religiosa seja contemplada no currículo de forma a não excluir ou constranger os alunos ou que seus professores tenham a objetividade necessária para tratar o tema sem enfatizar suas crenças pessoais. (Gazeta do Povo)

  • Formação dos professores é desafio para o ensino da disciplina
  • (Gazeta do Povo)


Avaliações

Educação no Ceará tem avaliação do 5º ano 'intermediária' e 'crítica' no 9º
  • Apesar dos avanços verificados nos últimos anos, os estudantes da rede pública de ensino do Ceará não conseguiram alcançar índice satisfatório de desempenho segundo análise de desempenho realizada pelo Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica (Spaece), em 2016. Os dados foram apresentados nesta terça-feira (14) no Palácio da Abolição, pelo governador do Ceará, Camilo Santana, e o secretário da Educação, Idilvan Alencar.
  • (G1)
  • 86% dos estudantes terminam o 2º ano alfabetizados, aponta Spaece
  • (O Povo)
Preparação para o vestibular deve começar no início do ano; confira cinco dicas
  • O ano letivo nem bem começou e já tem aluno a todo vapor com os estudos – de olho nas provas do vestibular do segundo semestre. Ainda que pareça exagero à primeira vista, uma boa organização ainda no início do ano pode garantir um melhor desempenho nas seleções para as universidades mais disputadas.
  • (iG)

Gestão de Escola

Governo do DF oferece bolsas a crianças que ficaram sem vagas na rede pública
  • Crianças de 4 e 5 anos que ficaram fora da rede pública de ensino do Distrito Federal por falta de vagas poderão receber bolsas de estudo temporárias oferecidas pelo governo. Serão 2,5 mil benefícios de R$ 456,17 mensais, pagos às instituições particulares de ensino infantil que tiverem vagas disponíveis para o programa. As escolas credenciadas não poderão cobrar taxas extras dos estudantes.
  • (EBC)

Leis, políticas e politicagens

"Lavagem cerebral" ou "Lei da Mordaça": Escola Sem Partido divide opiniões
  • Debatedores divergiram, em audiência na Câmara nesta terça-feira (14), sobre o Projeto de Lei 7180/14, o chamado projeto “da Escola Sem Partido”. A proposta obriga as escolas a respeitarem as convicções do aluno, de seus pais ou dos responsáveis. Segundo o texto, os valores de ordem familiar têm precedência sobre a educação escolar nos aspectos relacionados à educação moral, sexual e religiosa.
  • (iG)
Secretária do MEC volta a falar em “revisão” do PNE
  • “O PNE foi aprovado em um momento em que a situação não parecia tão dramática, e agora se trata de termos a responsabilidade não só fiscal, mas social, de examinar as metas e tentar pensar quais são as prioridades”, afirmou a secretária ao jornal Valor Econômico, em matéria publicada dia 06/02.
  • (Educação Integral)
Senadores criticam retirada do espanhol como idioma obrigatório
  • A Medida Provisória 746/2016, que reformou o ensino médio, aguarda sanção presidencial. O texto manteve o ensino obrigatório de inglês a partir do 6º ano do ensino fundamental, mas retirou o espanhol da grade curricular. O senador Paulo Bauer (PSDB-SC) lamentou a decisão. Segundo ele, o espanhol é uma língua apropriada para uso no Brasil, que é cercado por vizinhos que possuem o idioma como língua oficial. Usando o mesmo argumento, a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) afirmou que o ensino obrigatório somente do inglês não condiz com a realidade do Brasil.
  • (Correio Braziliense)

Pesquisas e Estatísticas

São Paulo cai seis posições no ranking das melhores cidades para estudar
  • A cidade de São Paulo caiu 6 posições na 5ª edição do ranking QS Best Student Cities, divulgado no fim da tarde desta terça-feira (14), no horário de Brasília. A capital paulista caiu da 63ª para 69ª posição, dentre 100 cidades listadas. Pela primeira vez, o Rio de Janeiro entra no ranking e ocupa o 94º lugar. O estudo é organizado pelos analistas de educação superior global da QS Quacquarelli Symonds – os mesmos compiladores do QS World University Rankings.
  • (G1)

Ensino Superior

Faculdades que utilizam o Enem para o vestibular
  • Algumas instituições já substituíram completamente o vestibular pela nota do Enem, preenchendo todas as suas vagas com o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Outras instituições públicas destinam uma parte de suas vagas para o Sisu. Já as faculdades particulares podem usar o Enem para selecionar candidatos a uma bolsa do Programa Universidade para Todos (ProUni), ou considerar a nota do Enem como critério para selecionar seus alunos, eliminando o vestibular.
  • (Terra)
Instituições são convocadas para atualizar classificação de cursos
  • O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por meio de chamada pública, está convocando instituições federais de ensino superior para que apresentem projetos para a revisão e atualização da classificação dos cursos de graduação e sequenciais. A classificação adotada hoje é de 2000, e encontra-se obsoleta em função da expansão dos cursos de graduação, da diversificação de nomenclaturas para denominação dos cursos e da criação de novas áreas de conhecimento.
  • (MEC)

Eventos

Desafio incentiva criação de projetos para redução e descarte de resíduos
  • Uma competição pretende mobilizar professores e estudantes de todo o país em ações de consumo consciente e sustentabilidade. Para incentivar escolas a trabalharem o famoso conceito dos 4Rs –repensar, reduzir, reutilizar e reciclar, o Instituto Akatu e a Braskem lançam o desafio “Turma que Recicla”, que engaja alunos do ensino fundamental em um percurso gamificado na plataforma Edukatu.
  • (Porvir)

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Notícias de Educação - 14/fev/2017


Nossa palavra

Novo programa está no ar!
  • A lei que altera o Ensino Médio foi promulgada. Essa lei "vai pegar"? Em que ano? Já falam que só em 2020...
    Algumas reflexões sobre o que significa o "novo" Ensino Médio.
  • (Focando Educação)
E por falar no Ensino Médio...
  • 13 respostas sobre o Novo Ensino Médio
  • (Nova Escola)
  • Quais os desafios na implantação da reforma do ensino médio nas escolas
  • (Nexo)
  • Reforma do Ensino Médio tem vantagens interessantes e foi aprimorada
  • (CBN)

Na Sala de Aula

Escola acaba com a lição de casa e índice de leitura aumenta
É possível acabar com a lição de casa? Uma escola norte-americana está provando que sim – e mais: com apoio dos pais e bons efeitos colaterais. Passados cinco meses do início de uma política que aboliu as tarefas de casa na Orchard Elementary, escola primária localizada no distrito de South Burlington, nos Estados Unidos, os pais dos estudantes relatam que os índices de leitura de seus filhos têm melhorado. (Gazeta do Povo)

O que esperar da educação nos próximos anos?
Personalização, educação mão na massa, uso de dados na gestão da aprendizagem e novas estratégias para impulsionar o ensino de ciência, tecnologia, engenharia e matemática. Algumas das principais tendências apresentadas na Bett Show, conhecida como a maior feira de educação e tecnologia do mundo, dão pistas do que vai transformar a sala de aula nos próximos anos. (Porvir)

CE: Escolas da rede estadual terão programa de mediação de conflitos
  • O projeto, desenvolvido em parceria com o Ministério Público do Ceará (MPCE), visa promover ações voltadas para a cultura de paz e a mediação de conflitos no contexto escolar, estimulando o diálogo e a escuta ativa no enfrentamento e na resolução dos conflitos.
  • (O Povo)



Gestão de Escola

Grupo SEB compra operação da Maple Bear na América do Sul por R$160 mi
  • O Grupo SEB do Brasil anunciou nesta segunda-feira (13) acordo para a aquisição do controle das operações da canadense Maple Bear na América do Sul por R$ 160 milhões, dando início à internacionalização dos negócios no setor de educação.
  • (G1)
  • Com aquisição, Grupo SEB busca expansão internacional
  • (Exame)
  • Grupo SEB espera janela para IPO, diz Chaim Zaher
  • (Exame)

Inclusão

52% dos aprovados na 1ª chamada da Unicamp são da rede pública
  • É o segundo ano consecutivo que percentual fica acima dos 50%. Para o coordenador executivo da Comissão Permanente Para os Vestibulares da Unicamp, Edmundo Capelas de Oliveira, os resultados dos dois anos consolidam mudanças feitas em 2015 no Programa de Ação Afirmativa para Inclusão Afirmativa para Inclusão Social (PAAIS).
  • (G1)
Construção emergencial de 50 escolas conta com apoio do MEC
  • Representantes do Ministério da Educação estiveram reunidos na semana passada, em São Gabriel da Cachoeira, Amazonas, com integrantes de comunidades indígenas, prefeitos, secretários de Educação e do Ministério Público para definir como se dará a construção de escolas na região. Segundo estudo técnico apresentado pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi) do MEC, em parceria com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), serão construídas emergencialmente 50 unidades no território etnoeducacional (TEE) do Rio Negro.
  • (MEC)

Leis, políticas e politicagens

PEC prioriza acesso de criança com deficiência à educação infantil
  • “A educação infantil determina um melhor desempenho dos alunos no ensino fundamental. Esse efeito será mais determinante para as crianças com algum tipo de deficiência, na superação dos seus desafios de adaptação e inclusão"
  • (Câmara)

Para pensar - artigos e opiniões

Editorial: A má formação do professor na crise educacional
  • A já histórica crise da educação básica brasileira pode ser vista por diversos ângulos. Por ser assunto complexo, multifacetado, analisa-se o problema por incontáveis aspectos: investimentos do Estado mal alocados; feitos e acompanhados de forma deficiente; falhas de currículo; má gestão em geral e assim por diante. O papel do professor é estratégico, não se discute. Isso não significa culpá-lo por todas as mazelas educacionais, expressas em testes como o internacional Pisa, em que os estudantes brasileiros adolescentes costumam aparecer nos últimos lugares no ranking de proficiência.
  • (O Globo)

Pesquisas e Estatísticas

Gasto com educação sobe acima de inflação, mesmo em tempos de crise
A educação está pesando no bolso do brasileiro. Os gastos com escola, material e transporte subiram bem acima da inflação, mesmo em tempos de crise. E quanto mais novo o aluno, maior o aumento: as mensalidades das creches e pré-escolas tiveram os maiores reajustes. (Bom Dia Brasil)

Número de municípios com menos de 25% dos alunos com aprendizagem adequada cai 50 pontos percentuais na década
  • Analisando o período entre 2005 e 2015, os dados mostram que o número de municípios com menos de 25% dos seus estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental com aprendizagem adequada em língua portuguesa caiu 48,9 pontos percentuais, indo de 62,6% para 13,7%. Isto significa que os municípios que tinham os piores resultados há doze anos estão saindo dos patamares mais baixo de desempenho.
  • (O Estado de São Paulo)

Gênero ainda é determinante na hora de escolher carreira, diz pesquisa
Apesar de a diversidade de gêneros dentro dos mais diferentes cursos e carreiras ser um tema muito debatido atualmente, o gênero ainda é um fator determinante na hora da escolha. Ao menos, essa foi a conclusão a que chegou uma pesquisa realizada pelo Guia da Carreira, que revela que, apesar das mudanças, homens ainda têm predileção por Exatas, enquanto mulheres focam em áreas como Educação e Saúde. (Universia)


Ensino Superior


19 pós-graduações que acabam de ser reconhecidas pelo MEC
Portaria publicada hoje no Diário Oficial da União traz cursos de pós-graduação stricto sensu que foram reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC). Há cursos nas modalidades de mestrado profissional, mestrado acadêmico e de doutorado em áreas como arquitetura, medicina, farmácia, odontologia, direito, geografia, ciências sociais, entre outras. (Exame)


Outras do dia


Por que as crianças bilíngües têm ouvido para a música (original em francês)
Um estudo recente mostra que os bebês que estão aprendendo a falar várias línguas podem muito bem desenvolver uma maior sensibilidade para a música durante seus primeiros anos. Em comparação com as crianças que aprendem somente uma língua, bilíngües (ou multilingues) são capazes de detectar pequenas variações de tons no idioma. (Slate FR (original em francês))

Pela 1ª vez, trote da Poli-USP conta com comissão contra machismo, racismo e homofobia
A recepção aos calouros e calouras de 2017 da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), nesta segunda-feira (13), manteve diversas tradições que já duram anos, como o banho de lama, a pintura de rostos com as cores de cada centro acadêmico, o futebol no sabão e uma área VIP para os pais assistirem à festa. Mas, pela primeira vez na história, o trote na Poli contou com uma Comissão Anti-Opressão, para assegurar que todos os calouros, inclusive as minorias, se sintam bem-vindos à faculdade. (G1)